0

Mulher encontra cão assustado na estrada e se depara com triste mensagem em sua coleira

Cadelinha é encontrada assustada com triste mensagem na coleira

Dois anos atrás, em meio a uma noite fria de de inverno em Utah (EUA), Payden Trujillo estava dirigindo em uma estrada coberta de neve. De repente, ela avista uma figura escura correndo na frente de seu carro. Payden freiou logo a tempo de conseguiu se esquivar e, quando saiu do carro para ver o que era, percebeu que era uma cadela muito magra, com frio e claramente aterrorizada.

Payden pegou um sanduíche de seu carro e, felizmente, conseguiu atraí-la. Ela levou o cachorro para a casa de seu pai, esperando que os proprietários pudessem ser encontrados e, finalmente, conseguiu ver que ela tinha plaquinhas na coleira. Mas, ao invés vez de encontrar um nome ou número de telefone, elas tinham uma mensagem na frente e atrás: “Meu nome é Lilly, se você me encontrou, por favor, fique comigo. Minha família não pode e eu preciso de amor”.

Mercedes Trujillo, irmã de Payden, disse ao site The Dodo: “Assim que a vimos, sabíamos que ninguém estava procurando por ela. Há muitos abrigos que não matam onde os proprietários poderiam ter deixado, mas, em vez disso, eles simplesmente o abandonaram. Não acreditávamos que alguém abandonasse essa cadela. Assim que ela percebeu o que aconteceu, Mercedes sabia que precisava ficar com Lilly. Mas, apesar de ter muito medo, ficou claro que tudo o que precisava era um pouco de amor e comida saudável. “Ela estava realmente magra e suas pernas estavam congeladas, então ela tinha que estar lá por algum tempo”, disse Mercedes.

Finalmente, uma nova vida

Depois de algumas semanas com a Mercedes, Lilly começou a se sentir melhor, mas teve tanto medo de ser abandonada novamente. “Eu estava hospedada com amigos da família que disseram que não poderiam mais tê-la lá. No começo, a ansiedade de separação era realmente ruim, então ficamos felizes em encontrar um lugar para ficar porque ninguém realmente a queria em casa”, afirmou Mercedes.

Ela mudou-se por um ano até que ela decidiu se mudar para o campus da universidade, o que lhe deu permissão especial para que Lilly também fosse. Lilly se adaptou muito bem e, em pouco tempo, não estava mais com medo de ficar sozinha. No entanto, ela tinha muito medo dos homens, então a Mercedes pediu permissão para levá-la à aula alguns dias por semana para ficar perto deles. Felizmente, Lilly não está mais com medo e, certamente transmitirá sua confiança para a irmãzinha enquanto elas vivem aventuras juntas.

Agodoi1

Deixe uma resposta