0

Mãe deixa filha com o pai, uma hora depois seu bebê está em coma – O QUE ELE FEZ VAI TE DEIXAR HORRORIZADO

Todo cuidado ainda é pouco quando você tem um bebê em casa. Eles são extremamente frágeis, e qualquer descuido pode trazer consequências pro resto da vida de ambos. O caso de hoje é um exemplo real disso. Cheyenne Rae Owensby, era uma linda garotinha cheia de vida e sonhos, ela era saudável e o grande orgulho de sua mãe Amy. Amada pelos familiares e sempre foi bem cuidada.

Os pais da pequena Cheyenne, se divorciaram e a guarda era compartilhada, ou seja, de duas em duas semanas, ela passava o final de semana com o pai, James. No dia que aconteceu o acidente, ela estava chorando muito e ele não sabia o que fazer para acalentar, então resolveu balançar para que Cheyenne ficasse calma.

Mas ao invés de acalmar, ela acabou fraturando o crânio dela. Imediatamente ele ligou para a emergência e ela foi levada ao hospital. Ela passou por várias cirurgias para que os médicos conseguirem estancar uma hemorragia e consertarem o crânio fraturado pelas sacudidas do pai. Os médicos achavam que ela não sobreviveria, ou ficaria em coma por toda a vida.

A mãe da pequena garota conta como foi difícil suportar aquele momento: “Eu comecei a chorar, a tremer de puro pânico e não consegui parar de vomitar”. “Eu rezei, pedi à Deus que a salvasse ou que me levasse em seu lugar. Quando vi Cheyenne na cama do hospital, ela estava coberta de ataduras, picada por várias agulhas e suas pernas estavam escuras por causa de uma trombose”. Quando a polícia contou para Amy que James havia confessado sacudir a bebê com muita força, Amy ficou horrorizada, e disse que sua vida estava destroçada.

 

James contou que perdeu o controle, ele pegou 20 anos de cadeia, e a pequena Cheyenne ficou meses internada, mas conseguiu se recuperar, os médicos disseram que foi um milagre ela ter sobrevivo, pois perdeu metade do cérebro. Ela consegue fazer alguns sons e se mover, mas vai lutar o resto de sua vida, porque o seu lado direito ficou paralisado. Hoje ela tem 3 anos e vive feliz com sua mãe. Que Cheyenne sirva de exemplo, um minuto pode mudar a vida do seu filho e a sua.

Agodoi1

Deixe uma resposta