0

“Bebê milagre” nasce 12 semanas antes do tempo com 400 gramas e sobrevive – CONFIRA

Uma menina, nomeada como Manushi, foi declarada o menor bebê do mundo a sobreviver após nascer 12 semanas antes do esperado e pesando apenas 400 gramas.

A criança, que nasceu no dia 15 de julho de 2017, no Rajastão, Índia, ficou hospitalizada por seis meses antes de receber alta no início de janeiro, segundo informações do Diário de Notícias de Portugal.

Manushi nasceu com uma pele tão fina que foi comparada a papel. Seus órgãos foram marcados como subdesenvolvidos, enquanto que os pés eram de um tamanho semelhante ao de um boneco.

Logo após o parto, os médicos informaram a mãe, Seeta, de 48 anos, que era improvável que a criança sobrevivesse. No entanto, e desafiando todas as expectativas, ela o fez. Manushi agora foi listada como o menor bebê prematuro a ter sobrevivido no continente asiático. “Ela apenas lutou e lutou contra todas as possibilidades, e conseguiu“, disse Seeta.

Os médicos verificaram que a criança estava sofrendo de uma deficiência de fluxo sanguíneo enquanto estava na barriga da mãe. Logo, tiveram que realizar uma cesariana de emergência, obrigando-a vir ao mundo com apenas 28 semanas.

menor-recem-nascida_2

Ela foi colocada em máquinas de suporte à vida e transferida para a unidade de UTI do Hospital Infantil de Jivanta, sob uma possibilidade mínima de sobrevivência. Ainda, mesmo que conseguisse resistir, os médicos informaram aos pais que a criança tinha grandes chances de sofrer de danos cerebrais.

Assim, ela foi submetida a uma série de transfusões de sangue, alimentada artificialmente e recebeu suporte respiratório até que estivesse forte o suficiente para ser alimentada com leite – algo que só aconteceu após sete semanas de internação.

Os médicos, que chamaram a criança de “bebê milagre”, renunciaram os custos do tratamento, que ficaria em um valor de um milhão de rúpias (cerca de R$ 50 mil).

Agodoi1

Deixe uma resposta